clube   |   doar   |   idiomas
sexta-feira, 25 abr 2014
121º Podcast Mises Brasil - Winston Ling

logo_baixa.jpgPODCAST 121 – WINSTON LING

 

Há pelo menos três ótimos motivos para você ouvir este Podcast do IMB com o empreendedor e mestre em economia pela Universidade de Chicago, Winston Ling: conhecer uma parte relevante da história das ideias da liberdade no Brasil na década de 1980, quando o país ainda vivia sob o regime militar, e o trabalho fundamental do Instituto Liberal do Rio de Janeiro e do seu presidente Donald Stewart Jr.; saber detalhes da atuação de dois gigantes da defesa do liberalismo o Brasil, Henry Maksoud e José Stelle (o podcast foi gravado na semana anterior à morte de Maksoud); e a importante atuação de Winston no movimento liberal no país, que inclui também a criação do Instituto Liberal do Rio Grande do Sul (que depois se tornou o atual Instituto Liberdade) e do Instituto de Estudos Empresariais, fundado por iniciativa de seu irmão, William Ling.

 

Membro da família Ling, que há décadas desenvolve um valioso trabalho de promoção e defesa das ideias da liberdade e mantém o instituto que concede bolsas de estudo, além dos três tópicos citados no parágrafo anterior, Winston conta nesta entrevista como era ser um interessado nas ideias da liberdade no Brasil numa época em que não havia livros traduzidos e publicados no país e comunicar-se e conhecer outros liberais era difícil e custoso. Tente imaginar o que era viver num país sob uma ditadura militar, sem ter acesso a livros de autores liberais e Austríacos, com todo um ambiente político, intelectual e empresarial contrário às ideias da liberdade e sem a formidável tecnologia que hoje nos permite ter e acessar a internet?

 

A divulgação das ideias, por isso, era mais difícil e estava quase limitada às páginas dos jornais e aos restritos contatos pessoais. Winston conta a história de como fez com que cada um do grupo 30 empresários brasileiros em viagem de negócios para Taiwan comprasse o livro Quem é John Galt?, de Ayn Rand durante o vôo (em 2010, o romance foi republicado em nova tradução e com o título A Revolta de Atlas). Um dia antes da viagem, ele ligou para cada um e orientou que levasse o livro na mão para ler na viagem. E durante o trajeto aéreo, de uma em uma hora, Winston fazia rondas regulares para saber em que página cada um deles estava. “No final, todo mundo leu”.

 

Morando em Xangai há 13 anos, Winston também aborda o panorama político na China, explica a batalha entre a ala liberal e a ala conservadora dentro do Partido Comunista, e fala do livro China Lectures, de autoria de José Stelle, que trata sobre os problemas e defeitos da democracia e cuja tradução Winston planeja publicar este ano.



Todos os Podcasts podem ser baixados e ouvidos pelo site, pela iTunes Store e pelo YouTube.

 

E se você gostou deste e/ou dos podcasts anteriores, visite o nosso espaço na iTunes Store, faça a avaliação e deixe um comentário.





  • Michel Ulbrich  25/04/2014 22:19
    Vejam isso, afronta contra a LIBERDADE:

    https://www.youtube.com/watch?v=lNHyslL1Ay8#t=546
  • José Ricardo das Chagas Monteiro  27/04/2014 15:33
    Bruno, gostei muito, vamos aguardar o livro.
    Sorte.
  • Bruno D  28/04/2014 22:33
    Muito boa a entrevista Bruno!

    As experiências que ele teve com o grupo na época em que os sistemas de informação ainda eram caros e complexos foi muito interessante.

    O livro será muito bem vindo também!

    Parabéns ao Winston Ling, agora, se ele que veio de uma família filantrópica e que já tem por tradição lutar pela liberdade e passou tudo o que passou e ainda está nadando contra a maré, é um exemplo aos libertários-conservadores que chegaram agora e já estão pensando em desistir.

    Estou mais ainda curioso sobre esse conceito de demarquia.



Envie-nos seu comentário inteligente e educado:
Nome
Email
Comentário
Comentários serão exibidos após aprovação do moderador.