clube   |   doar   |   idiomas
sexta-feira, 27 dez 2013
104º Podcast Mises Brasil - Acadêmicos de Milton Friedman

logo_baixa.jpgPODCAST 104 - ACADÊMICOS DE MILTON FRIEDMAN

 

Uma preocupação cada vez maior de parte dos defensores da liberdade é não restringir a divulgação das ideias sob a perspectiva econômica e política por considerar a amplitude e a eficácia de uma abordagem cultural. E se é verdade que já existem textos que têm a cultura como objeto de análise, ainda são raros os produtos culturais que usam as ideias da liberdade como tema. Nesse sentido, a grande novidade foi a criação do grupo de samba Acadêmicos de Milton Friedman pelos músicos brasileiros Jopa Velozo e João Nogueira.

 

Radicados nos Estados Unidos, onde completaram os estudos na Berklee College of Music, Jopa e João decidiram criar o grupo meio que na gozação e utilizar as letras para, de forma bem-humorada promover o pensamento liberal e criticar os inimigos da liberdade. Os Acadêmicos de Milton Friedman lançaram até agora quatro músicas no Youtube: Samba do Torreão, San Bastiat, Bigodagem Bolivariana e Seu Rouanet (esta divulgada depois da gravação deste Podcast).

 

Nesta entrevista ao Podcast do IMB, Jopa e João contam como foi que o grupo surgiu a partir do gosto dos dois pelo samba e o fato curioso de ter sido um amigo de esquerda a batizar o grupo. “A primeira música foi feita para zoar esse amigo nosso do Recife, Pedro Torreão, sociólogo, que passou uma semana aqui em conversas nas quais mais discordávamos. Mas ele adorou a música, se sentiu um ‘muso’”, disse João, pianista que trabalha com vários músicos em Brooklyn, New York, onde mora, incluindo o grupo de rock Stone Giant, que utiliza as ideias da liberdade como tema das letras. “Ele foi super agradável e gostou pra caramba do samba”, completou Jopa, que vive na região de New England, é guitarrista da banda The Plan of the Plains, membro da equipe do Portal Libertarianismo e coordenador do site LiberdadeBR.

 

João e Jopa também explicaram como definem o assunto e a abordagem das letras, como são criadas as músicas em parceria e como tiveram o primeiro contato com as ideias da liberdade.







  • Fabiano  27/12/2013 21:28
    Mais uma boa entrevista. Obrigado!
    Tb não sou chegado em samba, mas os AdMF valem a pena!

    Apesar de ter gostado da música que abre e fecha o podcast (poderia dizer qual é?), acho que seria mais bacana que, excepcionalmente desta vez, fossem utilizada alguma música dos AdMF.

    Sempre chego ao podcast pela divulgação que fazem no Facebook. Fui procurar novamente pelo IMB e notei que sua página inicial não possui um link direto para o podcast mais recente e ou até um link para os podcasts anteriores. Foi mais fácil voltar aqui buscando no Google.

    Sds,
    Fabiano
  • Paul Kersey  27/12/2013 23:14
    Prezado Fabiano, logo no canto superior direito da página inicial há um banner para os podcasts. É só clicar nele.
  • anônimo  28/12/2013 03:43
    Pra quem curte rap:

    Filipe Ret - Libertários Não Morrem
    www.youtube.com/watch?v=z3zxWRALJ2w
  • Pedro Ivo  28/12/2013 10:59
    Agora só falta um Acadêmicos de Ludwig von Mises: banda ou escola de samba, tanto faz.
  • rsp  30/12/2013 04:01
    grande Bruno Garschagen, super antenado, descobriu esses caras e entrevistou... nota 1000! Faro jornalístico!
    sobre os entrevistados, como o próprio Bruno observou quando foi o entrevistado (podcast 100), a importância dessa galera artística, de apelo pop (músicos, pessoal de TV), é inestimável, e jamais deve ser vista como "de menos importância" q o lado acadêmico.
    fora q esses artistas aí em especial são ótimos, talentosos e carismáticos.
  • PESCADOR  03/01/2014 15:40
    Seu Rouanet é a melhor! Sensacional, continuem a sambar na cara da esquerdalha.
    Parabéns ao Bruno pelo podcast.
  • Reinaldo do Valle  03/01/2014 20:56
    Esses caras são sensacionais!


Envie-nos seu comentário inteligente e educado:
Nome
Email
Comentário
Comentários serão exibidos após aprovação do moderador.