clube   |   doar   |   idiomas

A corrente dominante sempre tentará resumir a classificação dos sistemas na dicotomia esquerda/direita. A direita seria a defensora da liberdade econômica e do militarismo, enquanto a esquerda seria favorável ao socialismo e a paz. Rothbard afirma que esta divisão, além de incoerente, não encontra respaldo na história das ideias. E Rothbard vai além ao afirmar que, tradicionalmente, a direita foi partidária da elite reacionária e do status quo, ao passo que a esquerda historicamente esteve do lado do progresso, da liberdade e da paz. Estes papéis se inverteram de acordo com a época e o país em questão. No entanto, nestas reviravoltas, a coerência intelectual destes paradigmas ficou confusa ou se perdeu completamente. A visão ampla de Rothbard abre os olhos de seus leitores. Ela pode libertá-lo do paradigma dominante.

Baixar PDF.png



Sobre o autor

Murray N. Rothbard (1926-1995) foi um decano da Escola Austríaca e o fundador do moderno libertarianismo. Também foi o vice-presidente acadêmico do Ludwig von Mises Institute e do Center for Libertarian Studies.


ADICIONAR À MINHA BIBLIOTECA