clube   |   doar   |   idiomas

Neste livro o autor explora se a razão, pela qual todas as experiências passadas de socialismo acabaram em tragédia, é uma mera coincidência ou algo natural a esse tipo de modelo econômico. Para isso, ele analisa os fenômenos históricos contextualizando com o que são direitos humanos através de uma metodologia acadêmica, mas com uma linguagem atual e cotidiana conectada com situações contemporâneas.

Na parte técnica, a obra é inédita no Brasil ao aplicar a Análise Econômica do Direito (law and economics) à área dos direitos humanos. Isso resulta na apresentação de duas novas teorias acerca de como esse ordenamento se relaciona com diferentes sistemas econômicos (capitalismo e socialismo). Conectando direito, economia e política, o livro representa uma conversa dinâmica com pontos satíricos para o leitor.

INTRODUÇÃO 
CAPÍTULO I / SOCIALISMO: A PRETENSÃO DO CONHECIMENTO 
1.1 O que é socialismo? 
1.2. Distinguindo o socialismo em suas encarnações políticas  
Soviético
Socialdemocracia
Socialismo conservador
Socialismo cientista
Socialismo bolivariano
Nazismo
1.3 A linha tênue entre o fenômeno econômico e político 
CAPÍTULO II / DIREITOS HUMANOS: ORIGENS E INFLUÊNCIA 
2.1 A formação histórica e conceituação internacional dos direitos humanos  
2.2 O legado liberal aos direitos humanos: a geração individual, negativa e objetiva  
2.3 O legado socialista aos direitos humanos: a geração social, positiva e subjetiva 
Na teoria
Na lei
Na prática
2.4 Panorama atual dos direitos humanos frente ao plano internacional 
CAPÍTULO III / A DESTRUIÇÃO HUMANITÁRIA TRIFÁSICA SOB O SOCIALISMO
As sete premissas
Análise econômica dos "direitos sociais"
3.1 A primeira fase: a crise socioeconômica 
Descoordenação social
Evidências de caos
3.2 A segunda fase: a crise totalitária
Desajuste social
Mercado paralelo e reação socialista
Destruição do ordenamento jurídico
3.3 A terceira fase: a crise anti-humanitária
Escravidão institucional
Autodestruição
CAPÍTULO IV / OS CICLOS HUMANITÁRIOS 
4.1 A ação e reação  
4.2 O avanço e cumulação de ciclos  
4.3 Aprofundamento ou descontinuidade  
4.4 O atraso ou ausência de reaçÃo em casos específicos 
CAPÍTULO V / DESAFIOS CONTEMPORÂNEOS 
5.1 Os direitos humanos no liberalismo contemporâneo
Corrente jusnatural ou rothbardiana
Corrente evolutiva ou hayekiana 
5.2 Uma hipótese sobre a inefetividade dos direitos humanos atualmente 
CONCLUSÃO

historical.png

versão PDF        

Sobre o autor

Geanluca Lorenzon é consultor empresarial em uma das maiores firmas do mundo. Foi Chief Operating Officer (C.O.O.) do Instituto Mises Brasil e advogado. Pós-graduado em Competitividade Global pela Georgetown University. Bacharel em Direito pela Universidade Federal de Santa Maria. Especialista em Organizações Políticas pela Theodor Heuss Akademie. Premiado internacionalmente em Direito Internacional. Ganhador em nível nacional do prêmio de melhor orador e melhores memoriais na maior competição de Direito do mundo, durante o ano de 2014. 


ADICIONAR À MINHA BIBLIOTECA