sexta-feira, 1 jul 2016
Podcast 225 - Bráulio Porto

selo01.jpgPODCAST 225 – BRÁULIO PORTO

 

A doutrinação ideológica e política na escolas tornou-se um tema recorrente de debate entre aqueles que prezam pelas liberdades. Com a internet e com o trabalho desenvolvido pelo Escola sem Partido, os casos flagrantes envolvendo militantes disfarçados de professores têm sido expostos e discutidos. Aqui você pode ouvir uma entrevista com Miguel Nagib, presidente da entidade.

 

E também há o grave problema do assédio ideológico e da perseguição política promovidos dentro dos departamentos de universidades brasileiras contra professores que ousam lutar e manifestar-se contra a doutrinação nas universidades. Um caso exemplar e recente é o do Bráulio Porto, doutor em sociologia e professor da Faculdade de Educação da UnB.

 

Por ter proferido uma palestra na Câmara Federal sobre a base curricular da área de Ciências Humanas proposta pelo MEC e por haver concedido uma entrevista para o programa Fantástico (TV Globo) sobre o problema da doutrinação nas escolas, Bráulio foi alvo de uma nota pública divulgada pelo Departamento de Sociologia da UnB onde fez o doutorado e de uma moção de repúdio ao Escola sem Partido, associação na qual é vice-presidente.

 

Nesta entrevista ao Podcast do Instituto Mises Brasil, o professor explicou a razão pela qual tem sido vítima desses ataques diretor e indiretos, o que representam esse tipo de reações por parte de professores de esquerda, por que isso tem acontecido com frequência e como os socialistas conseguiram ocupar espaços e dominar os departamentos dos cursos de ciências sociais e humanas.

 

***

 

A música da vinheta de abertura é o tema da série Sherlock (BBC) executada pelo guitarrista ? Eric Calderone.

 

***

 

Todos os Podcasts podem ser baixados e ouvidos pelo site, pela iTunes Store e pelo YouTube.

 

E se você gostou deste e/ou dos podcasts anteriores, visite o nosso espaço na  iTunes Store, faça a avaliação e deixe um comentário.





  • Luiz Araujo  04/07/2016 17:50
    Pois é...


Envie-nos seu comentário inteligente e educado:
Nome
Email
Comentário
Comentários serão exibidos após aprovação do moderador.