Existe uma página específica para este artigo. Para acessá-la clique aqui.

Membro do Instituto Mises de Cuba é preso pelo regime castrista

O ativista cubano defensor dos direitos humanos Ubaldo Herrera Hernandez foi detido no último dia 2 de fevereiro por agentes da polícia nacional cubana.

Hernandez é responsável pelo projeto Biblioteca Libertária Benjamin Franklin.

Sua detenção foi cometida na província de Mayabeque sob a acusação de "atentado", uma alegação comum do governo cubano para encarcerar aqueles que discordam do regime castrista.

Outros ativistas do projeto da Biblioteca Libertária foram ameaçados por agentes do governo cubano. Hernandez, que é integrante do Instituto Mises Cuba, está preso na delegacia de Quivicán.

A prisão de Hernandez é mais uma afronta do governo cubano à liberdade. É preciso que o governo brasileiro se manifeste enfaticamente contra essa arbitrariedade e reafirme sua postura em favor das liberdades individuais e dos direitos humanos.


Atualização em 25/02/2017: informamos, com pesar, que Ubaldo Herrera Hernández e o também ativista libertário Manuel Velázquez Visea foram enviados para campos de trabalho forçado pelo governo cubano.


5 votos

SOBRE O AUTOR

Equipe IMB


OFF-TOPPIC: pessoal do IMB, seria possível vocês redigirem um artigo refutando as teorias conspiratórias sobre o Nióbio que abundam desde a época do Enéias? Quinta-feira o Instituto Liberal reiniciou o debate, e seria ótimo se vocês dessem continuidade. Eis o que comentei no website do IL, é o que resumidamente penso do assunto:

"Se há indícios concretos ou, ao menos, motivos para crer que as empresas autorizadas pelo Estado brasileiro a retirarem do solo e comercializarem este metal estão cometendo fraudes de qualquer natureza, em conluio com grupos estrangeiros ou não, a solução é, em se confirmando as irregularidades, rescindir os contratos de permissão em vigor e abrir este mercado para mais empresas interessadas no empreendimento - seja lá de onde elas forem. A que oferecer a melhor barganha leva as jazidas - e paga impostos sobre tudo o que produzir. Elevar o preço na marra? Claro, abusar desta condição de quase monopolista pode funcionar no começo, mas no médio prazo surgirão alternativas de melhor custo-benefício para atender a demanda daqueles insatisfeitos com a situação. Deixar de vender o Nióbio como comodittie e agregar valor ao mineral em nossa indústria da transformação? Seria ótimo, se nosso parque industrial não estivesse parado no tempo desde meados do século passado. Só falta criarem a estatal NIOBRÁS no Brasil, que dará origem ao escândalo do NIOBRÃO. O brasileiro não aprende mesmo: sempre achando que vai encontrar um bilhete premiado no chão e poderá passar o resto da vida bebendo e sambando."
"Tal afirmação nunca foi feita. Em ponto nenhum do artigo. E nem em nenhum outro artigo"

Não me refiro à uma frase ou texto escrito nos artigos do IMB. Estou questionando a percepção daqueles que defendem esse modelo de afrouxamento da terceirização proposto pelo governo, pois essa discussão toda é parte da realidade em que estamos vivenciando. Aliás, não creio que esse artigo seja uma mera exposição teórico-dissertativa acerca do que seria e quais os benefícios de uma terceirização segundo os liberais, muito menos um texto desvinculado da conjectura atual, como você transparece para quem lê. Logo, minha indagação é pertinente, ainda que, o que questiono, não esteja explicitamente escrito no artigo.

Em relação ao artigo linkado, em momento algum vi algo a mostra que abordasse diretamente o problema terceirização-corporativismo privado que eu levantei acima. O que mais se aproxima seria esse trecho:
"Em primeiro lugar, a ideia de que custos menores para empresas é algo ruim. Além do fato de que custos baixos permitem maior acúmulo de capital — o que possibilita mais investimentos e mais contratações —, falta explicar como que custos de contratação menores podem ser ruins para pessoas à procura de emprego."
Sim, não há problema algum em um empresário tentar reduzir seus custos para se adequar a concorrência e auferir maiores lucros. O entrave se encontra, como eu falei, no empresário monopolista que não possui um fator invísivel para motivá-lo à otimizar sua produção. A mão visível do Estado garante que seu produto inevitavelmente será consumido e, com isso, seu lucro será certeiro. Por conseguinte, não há a preocupação constante deste em inovar, melhorar a qualidade, aumentar a produtividade da sua mão de obra. Nesse sentido, a terceirização beneficia esse empresário, justamente por rebaixar seus custos com contratados (temporários ou não) à niveis abaixos daquilo que os empregados produzem, sabendo se que eles estão confortáveis em relação aos processos trabalhistas que enfrentarão (ajudinha estatal). Bem como, estagna ou retarda as inovações, tendo em vista que sua produção atual será adquirida pelos consumidores à um preço "monopolístico" durante um tempo maior que o de uma concorrência que existiria num livre mercado. Ademais, seu produto foi feito empregando mão-de-obra com um ônus muito abaixo daquilo que ela de fato produz. Desse modo, a margem de lucro é gigantesca, sendo que esse lucro pode sim ser revertido em capital para futuras melhoras, o que, na minha opinião, não aflinge ou preocupa de modo algum uma empresa monopolista, pois esta pode facilmente pegar crédito subsidiado de bancos estatais, ou ser empreendido em outros investimentos pessoais e, na minha percepção, fúteis e de pouco potencial de gerar valor no futuro.

ARTIGOS - ÚLTIMOS 7 DIAS

  • Hebs  09/02/2017 04:38
    Ué, e tá errado? Quem dera o Brasil saísse do limbo e começasse a fazer o mesmo com os neolibera daqui!
  • jaime  11/02/2017 02:30
    neoliberal?
  • Rafael  12/02/2017 17:20
    Você foi premiado com... UMA PASSAGEM DE IDA PARA... CUBA !!!!
    Parabéns! Vais para o melhor país do mundo!

    ATENÇÃO!
    O bilhete pode ser trocado para ter como destino VENEZUELA e COREIA DO NORTE.
    Caso opte por Venezuela - leve papel higiênico.
    Se mantiver Cuba - leve sabão.
    Optando por N Corea - apenas reze. (se for o caso)
  • Bernardo Rohrbacher  23/02/2017 09:37
    Ainda pode ser trocado por duas passagens para o Vietnã ou Angola.
  • Andre  23/02/2017 13:36
    Vietnã? É um dos países que mais crescem no mundo, têm o modelo de privatização mais agressivo que já vi, dividem a estatal em ações e colocam na bolsa de valores, não perdem tempo nem com o papel da licitação, muita liberdade para empreender, até posto de gasolina uma pessoa comum pode abrir numa barraquinha. Custos são tão baixos que as casas nas cidades não têm cozinhas, é mais barato comer na rua.

    www.forbes.com/sites/ralphjennings/2017/01/05/beer-to-xx-5-reasons-vietnams-economy-will-grow-quickly-this-year/
  • Luan Alexandre   13/03/2017 03:43
    Não sei se você sabe, mas a maior parte da culpa pela péssima situação que se encontra Angola hoje foi a guerra civil promovida por grupos comunistas....
  • joatas  22/03/2017 13:24
    Rezar? Quem disse que a Coreia do Norte admite manifestação pública religiosa? Lá o líder está acima de tudo.

    www.dw.com/pt-002/a-dif%C3%ADcil-vida-dos-crist%C3%A3os-na-coreia-do-norte-e-na-china/a-17445180
  • jean  24/02/2017 18:51
    Ah, cara... por favor...

    Morre.
  • Felipe Lange S. B. S.  09/02/2017 10:07
    Do jeito que o Temer é mais um bobalhão que está ali só pra fazer valer a bíblia estatal por conveniência, assim como o Serra, grande gênio que diz que há pouco protecionismo no Brasil, não vai dar em nada.
  • WDA  09/02/2017 13:27
    Temos que fazer uma campanha em prol do sr. Ubaldo! Parabéns ao IMB por divulgar o fato, mas temos de procurar fazer ainda mais.
  • Sérgo Santos  09/02/2017 13:33
    Deve o Instituto Mises pressionar a Diplomacia brasileira a agir, ao mesmo tempo em que deve divulgar o fato internacionalmente, para que as atenções do mundo se voltem ao ocorrido e que Ubaldo Hernandez não corra risco de morte.
  • PESCADOR  09/02/2017 13:49
    Cuba é uma ditadura comunista. O que esperar de um regime que oprime a população e proíbe a livre manifestação? Lá você não é livre nem para ler o livro que quiser. Lamentável.
  • Rogerio  09/02/2017 18:42
    Envia essa informação para os PC do Bistas que defendem aquele país e descobriremos qual desculpa será usada desta vez.
  • Célia Cavalcanti  09/02/2017 18:53
    Que absurdo.
  • Ricardo Bordin  10/02/2017 00:25
    "...É preciso que o governo brasileiro se manifeste..."

    Libertário pedindo ajuda do governo pra alguma coisa???
  • Horácio  10/02/2017 01:32
    Por que não? Para começar do básico, nenhum inocente está sendo violentado por essa atitude do governo. O governo brasileiro soltar uma nota condenando a atitude do governo cubano e exigindo a soltura do indivíduo que foi sequestrado é uma medida que não agride nenhum inocente, não confisca a propriedade de nenhum inocente, não viola a liberdade de nenhum inocente.

    Aliás, pensando bem, acho que essa é a única medida executada pelo governo na qual ele não viola a propriedade de ninguém.

    Portanto, nenhum princípio libertário foi violado aí.

    Ademais, lamento quebrar sonhos pueris e juvenis, mas o fato é que governos existem! (Caiu de costas?) E o governo brasileiro não só detém o monopólio da relação diplomática com outro governo, como também é a única instituição que pode -- pode! -- exercer alguma pressão sobre outro governo (no caso, o cubano).

    Dito isso, o que você, valente, faria? Iria para Havana e se ofereceria em troca?

    É cada um...
  • Rachel   18/02/2017 19:03
    Horácio, melhor resposta/comentário! Parabéns pela sua sagacidade!
  • José  10/02/2017 12:07
    "Libertário pedindo ajuda do governo pra alguma coisa???"

    É sempre engraçado ver um ironia desse tipo vinda de quem vive do dinheiro que o governo extrai à força de quem produz. Ao fim e ao cabo, está "defendendo o seu", né
  • pedro frederico caldas  10/02/2017 04:20
    Não contem com a diplomacia brasileira. O nosso chanceler está ocupado em derrubar Trump.
  • Pobre Paulista  14/02/2017 16:35
    De acordo com meus amigos conservadores, como a prisão foi feita seguindo procedimentos previstos pela lei, não há nada de errado com isso.
  • Zimbres  14/02/2017 17:06
    Pois é.
  • anônimo  19/02/2017 20:24
    O principal objetivo do Obama era devolver os cubanos. O Obama é um fanfarrão. Agora os cubanos serão deportados.

    Prenderam um cidadão por pensar diferente e sem agredir ninguém.

    Os comunistas sempre fizeram isso. Onde há capitalismo eles destroem tudo, onde há socialismo eles defendem tudo ao contrário.

    Esse integrante do IMB merece uma medalha. Ser preso por exercer a liberdade de expressão é motivo de honra.
  • Equipe IMB  25/02/2017 14:49
    Passamos aqui para informar que Ubaldo Herrera Hernández junto com Manuel Velázquez Visea -- ambos ativistas libertários -- foram enviados para campos de trabalho forçado pelo governo cubano.

    ellibertarismo.blogspot.com.br/2017/02/del-instanteactivistas-libertarios.html
  • Esron  08/03/2017 21:44
    Não vi uma nota na mídia sequer; fosse um cara mais conhecido tinha saído na capa da folha e do estadao. Assim funciona a midia brasileira
  • anônimo  09/03/2017 00:05
    Quando é para falar do aniversário do Pinochet, todo ano há várias reportagens falando o monstro que ele foi. Mas para noticiar algo importante como esse, toda a mídia fica caladinha.


Envie-nos seu comentário inteligente e educado:
Nome
Email
Comentário
Comentários serão exibidos após aprovação do moderador.